Grow Coaching – Modelo Grow – Metodo Grown – Ferramenta de Coaching de Performance

0
16568

John Whitmore, autor do livro Coaching para Performance, apresenta o Modelo Grow: Goal, Reality, Options e What When Who Will, como uma solução para aplicação no Coaching de Performance. “GROW” significa “crescimento” e seu acrônimo usa um conjunto de perguntas que auxilia o coachee a mover seu pensamento e suas atitudes em uma direção positiva.

Grow Coaching

O metodo GROW trabalha uma sequência de questionamentos que são extraídos da sigla (acrônimo) inglês: GROW, conforme apresentado abaixo para estudo e aplicação prática:

G – GOAL – Metas (Goal, letra G)

R – REALITY – Realidade (Reality, letra R)

O – OPTIONS – Opções (Options, letra O)

W – WHAT WHEN WHO WILL – O que, quando e quem vai fazer (What, When, Who Will, letra W)

O primeiro passo é estabelecer uma meta e um resultado específico, mensurável e realista. O coachee precisa acreditar que é capaz de conquistar sua meta e não pode deixá-la atrapalhar outros objetivos da sua vida pessoal e profissional.

As primeiras perguntas devem incentivar o coachee estabelecer uma META que deseje alcançar. O coach deve fazer perguntas que ajude o coachee a encontrar soluções para atingir sua meta final:

– Qual é sua meta de longo prazo?
– Qual é sua meta de curto prazo?
– Quem é? Quem são os seus clientes finais?
– O que você deseja alcançar?
– O que pode ser feito para resolver a questão?
– O que você gostaria de ter no lugar deste problema?
– Qual é o benefício para seus clientes e para você caso alcance a meta?
– O que faria seus clientes / gerentes felizes?
– Quanto tempo pode demorar a entregar? Isso é viável?
– O que você considera como um marco, algo que seja fora da curva?
– Se tudo correu da melhor forma possível, o que seria o melhor resultado possível?
– O que o sucesso com esta meta significa para você?
– Como você vai saber que você atingiu sua meta?
– Qual é o seu orçamento? Isso é viável?
– O que você vai procurar quando você entregá-lo? O que faria a equipe infeliz?
– O que motiva sua equipe?
– O que você pode fazer pessoalmente para atingir sua meta?
– Como você vai medir a meta?
– Qual é o controle que cada um dos membros da equipe tem sobre a meta?

É preciso entender o cenário real em que o coachee está inserido, verificando suas habilidades, limitações de tempo e proposta de execução e, para isso, as perguntas seguintes ajudam esclarecer a Realidade do coachee, o seu Estado Atual:

– Me fale um pouco mais sobre o problema?
– Qual sua situação atual?
– De que recursos você dispõe hoje para alcançar a meta?
– O que está acontecendo agora? – Quem, o quê, onde, como e quando?
– Qual é o efeito ou resultado disso?
– O quanto você está ocupado no dia a dia?
– Quando as coisas não estão indo bem, quem mais pode te ajudar?
– Quem está envolvido em suas metas? O que eles gostam? O que eles podem acrescentar?
– O que está funcionando e o que atrapalha?
– Você tem tempo suficiente para atingir suas metas diárias?
– O que está faltando?
– O que está prendendo você?
– O que pode fazer você começar?
– O que te mantém acordado e preocupado durante a noite?
– O quanto é fácil ou difícil completar suas tarefas na hora certa e entregar resultados?
– Quantas vezes você já tentou?
– Quem está envolvido?
– Qual é sua função dentro da equipe?
– O que já foi iniciado?

É importante estimular o coachee de modo que ele seja capaz de propor um grande número de soluções ou alternativas que ajude resolver o problema para ele alcançar sua meta.

As perguntas seguintes são aplicadas para tomada de decisões inteligentes e eficazes:

– Quais são as opções que você visualiza para resolver?
– O que, quando e como?
– Quais são as duas principais opções?
– O que mais você poderia fazer?
– Que outras opções que você tem?
– E se todas as suas restrições forem removidas?
– Quais são os benefícios e negativos de cada opção?
– Quais os fatores que você irá usar para pesar as opções?
– Se tivesse mais tempo, o que você faria?
– O que poderia dar errado com essa abordagem?
– O que funciona do jeito que você quer?
– Quanto tempo seria necessário para atingir cada opção?
– Que recursos e despesas seriam necessários?
– Quais são os riscos de cada opção?
– O que você deve fazer em primeiro lugar, em seguida, em último lugar?
– Se você tivesse mais confiança, quais das opções você escolheria?

Nesta última opção do modelo “grow coaching” se define as ações que serão executadas; a partir das opções apresentadas pelo próprio coachee. Ele, o coachee deve estabelecer um plano de ação detalhado, descrevendo o que será feito, quando e em que momento irá iniciar as atividades e de que forma será feita.

As perguntas devem produzir comprometimento:

– O que você vai fazer?
– Quando você vai fazer isso?
– Essa ação vai atingir seu objetivo?
– Que obstáculos você pode encontrar no caminho? Como vai lidar com eles?
– Que outros pontos você está considerando?
– Quais são seus primeiros passos?
– Que opções você vai escolher?
– Até que ponto isso vai te ajudar em todos os seus objetivos?
– O que você vai começar primeiro?
– Quando vai começar a trabalhar em cada etapa?
– O que pode impedir seu progresso em cada etapa?
– E como você vai superar isso?
– O quanto cada etapa é capaz de gerar resultado e sucesso para você?
– Alguém precisa saber sobre o plano de metas ou ação?
– O que precisa acontecer para que as pessoas na sua equipe fiquem entusiasmadas com suas metas?
– Que recompensas para atingir suas metas te ajudariam?
– Que tipo suporte adicional você precisa?

Melhor Programa de Coaching do Brasil

Se você já é Coach, se quer se tornar Coach ou tem interesse nos resultados que o coaching bem aplicado pode trazer para você, para o seu negócio e para seus clientes…

Clique no banner abaixo para saber mais

Curso 110 Ferramentas de Coaching

O Curso 110 Ferramentas de Coaching inclui: 110 videoaulas detalhadas sobre o uso de cada ferramenta + ferramentas prontas para utilizar com seus clientes + Bônus. São 110 Ferramentas inéditas de alto impacto, desenvolvidas com base na neurociência e nas ciências comportamentais.

SAIBA MAIS